Burnout aumentando a importância do RH nas empresas

Burnout tem sido visto por alguns RHs como “mais um tema que agora precisamos incluir em nossa agenda já cheia.”


Resolvi escrever este artigo para dar uma nova perspectiva.


O tema do burnout é uma oportunidade de ouro para elevar o nível da conversa sobre a importância da equipe de Recursos Humanos nas empresas. Estamos lidando com um problema que se refere a uma condição essencialmente humana e que gera impactos claros de custos e performance.


Os funcionários estão desempenhando de forma muito abaixo do esperado pelos gestores, todo mundo parece saber que é por causa do nível de tensão, estresse, e cobrança no qual vivem enquanto nenhum gestor das áreas de negócio sabe o que fazer para resolver. A solução, chamar o RH.


Você já se deu conta da oportunidade?


O gestor da área de negócio quer, ou melhor, necessita, de profissionais dando seu melhor. O mercado está trazendo demandas de agilidade, foco e visão ampla, qualidades que só é possível em gente disposta e saudável. Por outro lado, os trabalhadores estão dormindo mal, ansiosos, deprimidos e trabalhando mal.


Um RH que se apresente com uma solução efetiva para ajudar os gestores a lidar com este colaborador - que está pensando em largar o emprego ou que está se entupindo de remédios, estressado e colocá-lo forte e saudável e disposto a trabalhar pela empresa - será aclamado e aplaudido.


Tem mais. A base de todos os problemas de burnout está na baixa saúde emocional. Mais de 90% das pessoas tem problemas em lidar emocionalmente de forma madura e adequada com o que acontece na empresa. Isso vale para TODOS os níveis hierárquicos.

A dificuldade de lidar com o emocional faz a pessoa buscar paliativos que não resolvem e desencadeiam doenças físicas cada vez mais graves. O resultado, mais burnout.


O RH que conseguir ajudar de forma adequada os gestores (e o time) a lidar de forma produtiva e emocionalmente madura com a realidade da empresa, vai destravar um imenso potencial de performance que atualmente está deixando a empresa de freio de mão puxado.


E para terminar, minha experiência mostra, nos treinamentos que dei, que os colaboradores ADORAM receber instrução e técnicas para lidar com sua saúde emocional. Passam a reconhecer o investimento da empresa em algo que realmente transforma sua vida e que não é nem um pouco necessário mudar de trabalho, pois voltam a enxergar que já tem uma carreira e uma história na empresa em que estão e que não vale a pena jogar fora. Aumenta em muito a retenção (mais um ponto para o RH).


Assim, não perca mais tempo. Se você é de RH, é hora de atuar já na solução do burnout.


Ótima semana para vocês.




0 visualização

©2020 by Heitor G. Fagundes. 

SAUDE.VC Serviços para Consciência

R. MMDC 217 São Paulo SP

cel/whats: +55 11 970.866.906

  • LinkedIn ícone social
  • Black Instagram Icon
  • YouTube
  • Black Facebook Icon