Live 06.02.20 - A vida solitária e insatisfatória dos altos cargos

Atualizado: Fev 26

Lembro-me bem do dia, em 2011, no qual eu, executivo de multinacional americana, já tendo iniciado minhas formações como psicoterapeuta, pude olhar com clareza para a vida do meu chefe, Diretor Geral de Vendas.

Devia ganhar umas 3 vezes o que eu ganhava. Eu mesmo ganhava umas 2 vezes mais do que meu custo de vida demandava (mesmo vivendo muito, muito bem).

Ele tinha uma meta de vendas que precisava cumprir. Mas ele mesmo não tinha acesso aos clientes, dependia de mim e de meus colegas. E nós, dependíamos do contato dos vendedores nos clientes.


Por mais que se falasse de “um bom clima organizacional e de avaliações 360º etc” o que contava para todos era simples e objetivo : Bateu a meta ou não bateu a meta. Não bateu, pode ser que você seja trocado por outro que vá bater.

Ficou muito claro para mim que, seja em vendas, ou em qual área da empresa for, este “combinado” de pressão e medo é a base constituinte do mundo corporativo atualmente.

Neste ambiente, com estas regras implícitas, o contato humano, a capacidade de lidar com o que está de fato acontecendo no emocional de cada um, torna-se quase irrelevante.


Como já tinha começado a sentir a diferença no meu desempenho, clareza e capacidade produtiva ao incluir o meu emocional no meu trabalho, pude ver como as pessoas estavam se tornando “robôs cumpridores de metas e pressionadores de funcionários”.


Até aí : “É a regra do jogo”, alguns poderiam dizer.


Sim, eu comecei a trabalhar a mais de 20 anos e a regra era esta mesmo.

Mas está cada vez mais óbvio que este modelo está entrando em colapso.

Há 20 anos, ninguém pediria demissão por estresse ou por “não estar se sentindo preenchido como pessoa”.

Hoje, os altos gestores, que começaram sua carreira a 20 – 30 anos atrás, estão vivendo esta situação. Tem bons salários, grandes responsabilidades e isso poderia ser usado para um grande crescimento pessoal. Uma função assim permite que você impacte positivamente a vida de centenas, milhares de pessoas que contam com sua liderança para fazer a empresa onde trabalham prosperar.

Mas não é o que tenho visto.

A realidade é que muitos ficam angustiados com a falta de sentido que a vida corporativa parece ter, sendo que na verdade, o que falta é saber lidar com o próprio emocional.

Muitos destes gestores estão em uma situação na qual usam o trabalho como um vício, um escape, para não olhar para temas importantes da sua própria vida. Quando se cansam, pensam logo que mudar de trabalho seria uma solução.

Aí esbarram em duas questões:

1. Não tem tantos cargos altos assim disponíveis.

2. No fundo sabem que, onde quer que forem, os problemas pessoais não resolvidos irão com eles.


O que descobri atendendo diferentes níveis hierárquicos nestes últimos anos é que, quando a pessoa aprende a lidar de forma madura e positiva com seu ser como um todo (físico, mental e emocional) a realidade externa pode ser exatamente a mesma, mas a forma com a qual a pessoa interage e se relaciona passa a ser totalmente diferente.

O que é necessário para isso? Terapia?

Não necessariamente. Poucos destes gestores estão realmente com quadros que demandem uma psicoterapia mais profunda.

Mas também não dá para começar a meditar e achar que vai transformar anos de crenças errôneas e modelos mentais ultrapassados.


O caminho é realmente aprender a lidar com os problemas práticos do dia a dia, incluindo o que você está sentindo e pedindo ajuda para agir de forma positiva e madura, com uma percepção ampla da sua realidade.

Pode parecer um pouco etéreo, mas o que tenho visto é a transformação de todos os executivos e funcionários que pude ajudar.

Posso afirmar: É possível e não é tão difícil como se imagina!


Abaixo deixo a gravação da Live que fiz com mais detalhes a respeito.


Aproveitem!


0 visualização

©2020 by Heitor G. Fagundes. 

SAUDE.VC Serviços para Consciência

R. MMDC 217 São Paulo SP

cel/whats: +55 11 970.866.906

  • LinkedIn ícone social
  • Black Instagram Icon
  • YouTube
  • Black Facebook Icon