Planejamento para Saúde Emocional nas Empresas

Muitas empresas tem me perguntado se existe um passo a passo para lidar com a saúde emocional dos colaboradores.

Mais do que simplesmente contratar este ou aquele treinamento ou serviço, o que recomendo é que este tema seja tratado com estrutura e profissionalismo, e não através de iniciativas pontuais.

A estrutura que recomendo tem 4 pilares

1. Mapear o problema objetivamente;

2. Separar os diferentes casos;

3. Planejar diferentes ações;

4. Acompanhar periodicamente;

Pode parecer simples, mas a maioria das empresas não tem este olhar, pois o tema de gestão de saúde emocional raramente era tratado dentro dos planos de trabalho mais estratégicos.

Além disso, este universo do “emocional” sempre foi, e ainda é visto como algo que não se conhece bem, que as ferramentas não são objetivas ou claras e que não é o papel da empresa cuidar disso.

Nesta direção, ações eram realizadas de forma pontual como iniciativas de bem estar para os colaboradores.

Seguindo os passos acima:

1. O olhar que proponho começa com um mapeamento objetivo da condição de saúde emocional de toda empresa.

Quantos ansiosos, quantos com depressão, quantos com transtorno de estresse. Em números, “preto no branco”.

Já existem ferramentas capazes de mapear isso sem invadir a privacidade e confidencialidade dos dados dos indivíduos.


2. Uma vez mapeados é necessário separar os diferentes grupos. Não dá para cuidar de ansiosos do mesmo modo de quem é deprimido, e assim por diante.


3. As ações também precisam ser adequadas. Alguns precisarão de atendimento médico, outros uma orientação online e para um determinado grupo, um treinamento pode ser mais adequado.


4. Por fim, acompanhar como a empresa como um todo está em termos de saúde emocional deve se tornar um hábito, pois quanto melhor a equipe estiver, melhor a produtividade, o desempenho e a disposição para o trabalho.

Tudo isso é possível, sem invadir os dados das pessoas e as empresas que dão este passo conseguem resultados maravilhosos.

Para o RH, é um grande passo também, pois a maioria dos colaboradores está desejando muito receber um apoio assim, e quando o RH traz um olhar amplo, estratégico e profissional para o assunto, todos passam a se conectar muito mais com a empresa.

Tem mais no vídeo no youtube : https://www.youtube.com/watch?v=BCuGlIbsDFA

Até o próximo texto.

Grande abraço

Heitor G. Fagundes

Psicoterapeuta e consultor de saúde emocional




0 visualização

©2020 by Heitor G. Fagundes. 

SAUDE.VC Serviços para Consciência

R. MMDC 217 São Paulo SP

cel/whats: +55 11 970.866.906

  • LinkedIn ícone social
  • Black Instagram Icon
  • YouTube
  • Black Facebook Icon