Transição de carreira, já pensou a respeito?

Atualizado: Mai 25

Durante a quarentena muitas pessoas começaram a refletir sobre a carreira.

É isso mesmo que quero fazer para o resto da vida?

Será que eu me sustento neste trabalho por mais quantos anos?

Tem gente aí largando tudo para viver deste tal “propósito” e se dando mal. Outros se dando bem. Será que eu deveria fazer o mesmo?

Eu pessoalmente comecei esta transição pouco antes de fazer 38 anos, a mais de oito anos atrás e decidi contar um pouco desta história em uma série de oito textos e vídeos.

Eu me formei como Engenheiro Eletricista na UNICAMP em 1999 e tive uma carreira de sucesso trabalhando no Brasil e no exterior em multinacionais (Siemens e CISCO). Posteriormente me tornei sócio da consultoria mais especializada do Brasil em TI para Saúde (a FOLKS).

Hoje sou muito mais realizado profissionalmente como psicoterapeuta, em todos os campos. Descobri minha vocação atendendo pessoas do mundo todo com traumas emocionais da infância, dificuldade de relacionamentos, angústias, ansiedade entre outras deficiências emocionais. Cada Real ou Dolar que ganho com uma consulta me preenche muito mais do que o saldo que ele aumenta em minha conta bancária.

Uma mudança e tanto, certo?

Aqui vem a primeira dica:

Ninguém precisa fazer uma mudança tão radical.

Mas se você quiser fazer uma mudança tão radical, também dá.

Ao fazer esta série, minha intenção é compartilhar um passo a passo, uma forma estruturada de pensar sobre a mudança, trazendo principalmente a importância de mergulhar no seu emocional durante o processo.

Quando não fiz isso na profundidade necessária, acabei pagando um preço alto. Podemos chamar esses momentos de “erros”, mas mais hoje sei como fizeram parte. Lidar com tropeços e emoções desagradáveis durante uma transição de carreira é um dos grandes aprendizados e que, quem quer trilhar este caminho, terá de aprender. Mas nesta série, você vai receber alguns alertas para não ter que pagar tão caro quanto eu.

Por outro lado, nada nos amadurece mais do que atravessar com coragem uma zona de desconforto emocional.

Então é isso. No próximo texto já começamos esta jornada.

Deixei um pouco mais desta história no Youtube : youtu.be/oN4SmpDhw84

Se quiser participar, junte-se a nós.

Até lá

Heitor G. Fagundes

Psicoterapeuta



0 visualização

©2020 by Heitor G. Fagundes. 

SAUDE.VC Serviços para Consciência

R. MMDC 217 São Paulo SP

cel/whats: +55 11 970.866.906

  • LinkedIn ícone social
  • Black Instagram Icon
  • YouTube
  • Black Facebook Icon