Transição de carreira: Passo 3 – Estrutura emocional

Atualizado: Mai 25

Você está preparado para os desafios emocionais que uma transição de carreira pode gerar? Esta pergunta assusta? Ou você bate no peito e diz: Claro que estou! Adoro desafios.

Só tem um jeito de saber se você está realmente preparado emocionalmente.


Há quanto tempo você estuda, conhece e mergulha nas suas fragilidades emocionais? O quanto você conhece dos seus bloqueios e auto boicotes emocionais e inconscientes?

Se você pensar, “pouco”, você ainda não está preparado.

Porque digo isso?

Você tem (todo mundo tem, mas estou falando com você, certo?), uma parte dos seus defeitos no seu inconsciente. Eles são feios e desagradáveis. Sua vontade de ser melhor que os outros, seus medos, teimosias e demais fragilidades.

Em uma transição de carreira, algumas destas fragilidades virão à tona. Como?

Aquele plano perfeito, aquela estratégia super bem calculada com toda a sua super experiência profissional do passado, em alguns momentos não vai dar certo. Aí você não vai saber porque e vai tentar e tentar de novo, fazendo ajustes fora de você, sem sucesso.

Além disso, aquelas amizades ou relacionamentos que te adoravam na carreira anterior serão abaladas, porque precisam ser, mas não precisam ser perdidas. O abalo vem para que você cresça.

Aí talvez você me pergunte: Precisa de tudo isso? Não dá pra mudar só o trabalho?

Você pode tentar, mas pode ter certeza que você vai pagar um preço alto em dinheiro e tempo. Auto boicote inconsciente é uma das mais poderosas forças contrárias a mudanças. Ele está dentro de você, mas cria situações fora. Este tema é super estudado nas formações psicológicas e, ainda assim, pouca gente leva em consideração. Você toma atitudes que prejudicam demais seus planos até mesmo sem saber. E isso dói.

Pode ver que todo mundo que faz uma transição de carreira de sucesso, em algum momento pede ajuda para lidar com seu emocional. Se você começar assim, vai otimizar muitas coisas no processo.

Além disso, este processo de estruturar seu emocional tem dois grandes ganhos:

1. Seu emocional fica mais saudável para tudo o que acontece na sua vida (não só para a transição de carreira).

2. A escolha da sua nova carreira e como você vai lidar com a transição ganham uma grande clareza, pois você não decide por um impulso mental, mas sim por uma união da mente com a emoção. É muito mais poderoso.

Assim, avalie, reflita. Já começou a aprender a lidar com seu emocional?

Veja mais no vídeo no Youtube:

https://youtu.be/OckUuLrlN1s

Gostou até aqui?

No próximo texto tem mais.

Até lá

Heitor G. Fagundes

Psicoterapeuta

0 visualização

©2020 by Heitor G. Fagundes. 

SAUDE.VC Serviços para Consciência

R. MMDC 217 São Paulo SP

cel/whats: +55 11 970.866.906

  • LinkedIn ícone social
  • Black Instagram Icon
  • YouTube
  • Black Facebook Icon